Monitorando o INPI

Gazeta Mercantil: “Escritórios de advocacia são chamados cada vez mais para monitorar patentes de terceiros. Uma empresa do segmento de brinquedos do interior de São Paulo, que prefere não ser identificada, recebe semanalmente relatório de escritório de advocacia sobre as patentes que foram pedidas pelos seus concorrentes no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). As informações são usadas para monitorar as estratégias comerciais do concorrente.” (veja mais aqui)

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.